terça-feira, 13 de outubro de 2009

O baú. - 17/04/2007

Olá Bttistas,

A recente acusação de que fui vítima (ir ao baú), por parte do nosso ilustre colega Hélder, teve o condão de me motivar na recuperação das nossas crónicas e notícias anteriores à criação do Blogue. Por coincidência, em muitos desses tesourinhos, um dos principais visados é.....imaginem quem? Sim, acertaram, eh, eh, eh....

Assim, tenho o prazer de inaugurar este novo "projecto" paralelo que se encontrava na gaveta.
Esta pequena notícia é datada de 17/04/2007 e retrata um acontecimento inédito, quando o colega visado dava ainda os seus primeiros "passos" na modalidade, aqui vai:

Título: Rescaldo da Maratona da Barragem de Magos / Foto inédita
Boa tarde amigos Bttistas,

Eis a prova que faltava! Isto foi o que aconteceu ao nosso amigo Hélder no Domingo (ao Km40?).




Os organizadores afirmam que este acto tresloucado, foi causado deliberadamente e sem motivo aparente!
Uma testemunha ocular afirmou à posteriori:
- "Epá! Ê estava aqui sentado num chaparro, pescando mêsme, mêsme, à bêrinha da Barragem. Di repente vi o moço a ser ultrapassado por um gaito de 11 anitos. Nã sê o que lhe passou pela cabeça, o moço atirou-se pa dentro da barragem.
Ê cá nã percebi se foi uma câimbra, se foi com os nervos que o moço se atirou......só sê
dizeri que ele nã se calava, ai a minha baiqui ai a minha baiqui nova......ê cá nã percebi nada porra!" -

Sim é verdade, temos que ser solidários para com o nosso amigo! Logo na estreia da sua nova bike, tinha que tralhar.....tá mal! Eh, eh, eh,eh............
Para demonstrar a minha solidariedade, no próximo fim-de-semana vou participar com ele no passeio da junta.

Ah! E mais, o meu filhinho Simão de três anos também vai na sua bike com rodinhas. Estou convencido que "eles" vão aguentar, ah, ah, ah, ah, ah, ah, ah,ah,........................

Abraços,


Charbel


Este episódio era apenas mais um que viria a caracterizar o modo como o nosso amigo Hélder, estava na modalidade, ou seja, sempre a "tralhar". Claro que se registaram alguns progressos. Eu próprio fui responsável pela entrada dele no mundo do BTT, ajudando até na sua aprendizagem. Acto irresponsável dirão uns, acto de misericórdia dirão outros, visto que o ajudei a integrar-se mais facilmente neste "universo".

Enfim, para todos os efeitos foi connosco que ele aprendeu a andar de bike e a superar a barreira do Km 40! Apesar da sua aparente forma física, ele sempre dava o "estoiro" ao Km 40!

Felizmente que esses tempos já lá vão.

Obrigado e bom dia!


Fui.....

Charbel

2 comentários:

Outsider disse...

Charbel,

O Helder já não merecia uma coisa destas eh eh eh eh eh. . .

Já estava descansado a pensar que não lhe recordavas estes tralhos eh eh

Esta está demais...

1 Abr.,
FF

Paulo disse...

Olá,


De facto achei por bem recordar o passado, pois só conhecendo a "história" é que o homem pode evitar o erro, eh, eh, eh!


Fui.....


Charbel